Chamada de Artigos "O céu tem dono?"

25-04-2022

CHAMADA DE ARTIGOS

O CÉU TEM DONO?

Por que a máxima ‘o meu direito termina onde começa o direito do outro’ aparentemente não se aplica ao espaço aéreo e sideral, especialmente quando nos referimos a grandes corporações ou estados-nação? Inclusive, isto leva a outro questionamento: onde termina o "espaço aéreo" e onde começa o "espaço sideral"? Ao contrário da definição astronáutica, que define a linha de Kármán como a fronteira entre a atmosfera e o espaço, os conceitos e definições de espaço aéreo e espaço exterior em outras áreas ainda são bastante obscuros.

Isso pode parecer irrelevante, mas a definição dessa fronteira de forma abrangente e não ambígua, bem como as formas de utilização deste espaço são importantes considerando aspectos econômicos, tecnológicos, relações internacionais, legislação, filosóficos, ecológicos, educativos, entre outros.

Foco e escopo

Essa edição especial irá publicar artigos completos, revisões, resenhas ou estudos de caso provenientes de pesquisas científicas que tenham como assunto o espaço aéreo e/ou sideral, considerando os impactos nas diferentes áreas do conhecimento: administração, relações internacionais, direito, biologia, tecnologia, engenharias, saúde, economia, entre outras áreas.

Serão aceitos artigos que tratam das seguintes temáticas, mas não limitado a:

  • Ética, legislação, aspectos políticos e relações internacionais a respeito da utilização do espaço aéreo e sideral;
  • Avanços tecnológicos que proporcionaram a utilização do espaço aéreo e sideral;
  • Avanços tecnológicos decorrentes da utilização do espaço aéreo e sideral;
  • Avanços em conhecimentos astronômicos e físicos decorrentes da utilização do espaço aéreo e sideral;
  • Aspectos históricos, filosóficos e sociológicos relacionados ao espaço aéreo e sideral;
  • Implicações ecológicas decorrentes da utilização do espaço aéreo e sideral.
  • Aspectos de ensino e aprendizagem sobre o espaço aéreo e sideral;
  • A divulgação científica relacionada ao espaço aéreo e sideral;
  • Inter-relação entre manifestações artísticas, ficção científica e o espaço aéreo e sideral;
  • Aspectos ecológicos, biológicos, tecnológicos e filosóficos sobre a vida em outros planetas.

Normas de submissão

As normas de submissão seguem as normas padrão da revista, as quais estão disponíveis no site https://sou.ucs.br/revistas/index.php/ricaucs/about/submissions

Datas

  • Recebimento dos artigos: maio/2022 a agosto/2022
  • Período de avaliação: setembro e outubro/2022
  • Período de ajustes: novembro e dezembro/2022
  • Publicação: março de 2023

Público-alvo da chamada

Devido ao caráter interdisciplinar, o público-alvo da chamada são professores, pesquisadores, acadêmicos das áreas de tecnologia da informação, engenharias, psicologia, ciências sociais e o campo da saúde em geral.